Receber poemas por / Receive poems by Email

Traduzir / Translate

terça-feira, 19 de junho de 2018

Do lado de fora da janela / Outside the window


Imagem retirada da Internet e manipulada com/ Image taken from the Internet and manipulated with: https://photomania.net/editor


Do lado de fora da janela
Tudo acontece
Uma incontável sequência de cenas
O exterior favorece.

Apressadas as pessoas passam
Sem saberem se são observadas
Ladeadas por janelas
Abertas ou fechadas.

Rasgadas nas paredes
Pontos de observação
Entrada e saída de ar
Expostas à iluminação.

No exterior muito se passa
Que do interior se observa
Muito se pode imaginar
Sobre o que cada lado nos reserva.

Alvalade, Lisboa, Portugal,
Poema escrito a computador,
18 de junho de 2018,
13h35

Outside the window
Everything happens
Countless scenes
The outside favors.

Hurried people pass by
Without knowing if they are observed
Flanked by windows
Open or closed.

Torn on walls
Points of observation
Air inlet and outlet
Exposed to illumination.

Abroad is very
Which of the interior is observed
A lot can be imagined
About what each side reserves for us.

Alvalade, Lisbon, Portugal,
Computer-written poem,
June 18, 2018,
1:35 p.m.