Receber poemas por / Receive poems by Email

Traduzir / Translate

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Do lado de dentro da janela / Inside the window

Imagem retirada da Internet e manipulada com/ Image taken from the Internet and manipulated with: https://photomania.net/editor



Do lado de dentro da janela
Espreitando o exterior
Procurando novidades
Que não se avistam no interior.

Não corre uma aragem
O vento parou de soprar
Não passa ninguém
Que me possa inspirar.

Apenas o silêncio
E os gasto asfalto
O meu pensamento
Invadem de assalto.

O pátio está deserto
Usado pelo tempo
Uma mente inquieta
Encontra assim um passatempo.

Alvalade, Lisboa, Portugal,
Poema escrito a computador,
18 de junho de 2018,
13h08

Inside the window
Peeking outside
Looking for news
That does not have one inside.

Do not run a puff
The wind stopped blowing
Do not pass no one
May it inspire me.

Only silence
And the worn out asphalt
My thinking
They invade assault.

The courtyard is deserted.
Used by time
A restless mind
so find a hobby.

Alvalade, Lisbon, Portugal,
Computer-written poem,
June 18, 2018,
1:08 p.m.