Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

O Rebanho do Cordeiro / The Lamb Herd

O rebanho do cordeiro
Só trabalha bem de manhã
Algumas ovelhas chegam tarde
E fazem das outras vilãs.

O  pastor e o cão de guarda
Nada conseguem fazer
O mau ambiente se instala
A seu belo prazer.

Há sempre um ovelha tresmalhada
Que consegue destabilizar o rebanho
Viver alegremente não custa nada
Ai que pena eu tenho.

A falta de um bom lider
Deixa instalar a confusão
Umas gostam de brincar
Outras vivem de má tradição.

Ovelhas descontentes
Menos lã conseguem produzir
Ficam tristes e carentes
Só pensam em fugir.

Sentada na mesa da cozinha em casa dos meus pais
22 de julho de 2016
escrito à mão
7h57

The lamb herd
Only works well in the morning
Some sheep arrive late
And do the other villains.

The pastor and the watchdog
Nothing can do
The bad environment settles
At their one pleasure.

There is always a stray sheep
Which can destabilize the flock
Live happily costs nothing
Oh what a pity I have.

The lack of a good leader
Let’s install the confusion
Some like to play
Others live in bad tradition.

Discontented sheep
Less wool can produce
They are sad and needy
Just think of running away.

Sitting at the kitchen table in my parents' house
July 22, 2016
handwritten

7:57 a.m.

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.