Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

sábado, 20 de agosto de 2016

Deixei-me levar pela ingenuidade / I let me take by the ingenuity

Deixei-me levar pela ingenuidade
É difícil voltar a confiar
Tentaram levar o melhor de mim
Quase me conseguiram matar.

Um ciclo agora se fecha
Outro está prestes a começar
Só quem despertar o melhor de mim
Terei a disponibilidade para amar.

O relógio biológico já não me condiciona
Nem procuro colmatar a solidão
Preencho todos os meus vazios
Não machuco o meu coração.

Agora vejo luzes ao fundo do túnel
Tenho o hoje para conquistar
Tenho projetos, objetivos e sonhos
Já ninguém me conseguirá travar.

Aprendi uma grande lição
Tinha mesmo de aprender
A vida é já e agora
Tenho ainda muito para crescer.

Sentada a mesa da cozinha em casa dos meus pais
28 de julho de 2016
8h17
Escrito à mão


I let me take by the ingenuity
It's hard to trust again
They tried to take the best of me
And almost managed to kill me.

A cycle now closes
Another is about to begin
Only those who bring out the best of me
I will have the availability to love.

The biological clock no longer affects me
Neither I try to bridge the loneliness
I fill all the my empty
I dont hurt my heart.

Now I see light at the end of the tunnel
I have today to win
I have projects, goals and dreams
No one is able to stop me.

I learned a great lesson
One I had to learn
Life is already and now
I have much to grow.

Sitting at the kitchen table in my parents' house
July 28, 2016
8:17 a.m.
Handwritten

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.