Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

terça-feira, 26 de abril de 2016

Já passaste os 25 anos? / Have you spent 25 years?


Já passaste os 25 anos?

Pergunta a minha sobrinha

O teu corpo assim o diz

Mas atua mente não vai nessa ladainha.

 

Os anos passaram

Vividos intensamente

Não te apercebeste da sua passagem

Porque se deu rapidamente.

 

O espelho te iludo

Não te dá uma imagem real

Sabes o que sentes por dentro

Mas que idade tens afinal?

 

A idade não importa

É apenas uma soma de aniversários

O que conta é o que há por dentro

Para nos sentirmos lendários.

 

Sentada numa cadeira do meu quarto, poema escrito com a colaboração da minha sobrinha (Filipa)

no dia 9 de abril de 2016,

escrito à mão

19h36



Have you spent 25 years?

Asks my niece

Your body says so

But acts will not mind this litany.

 

Years passed

lived intensely

Not notice you your ticket

Because if given quickly.

 

The mirror delude you

Does not give you a true picture

You know how you feel inside

But that old are you anyway?

 

Age does not matter

It's just a sum of birthdays

What counts is what's inside

For feel legendary.

 

I am sitting in a chair in my room, poem written in collaboration with my niece (Philippa)

on April 9, 2016,

handwritten

7:36 p.m
 

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.