Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Esquece-me de vez / Forget me for once

Esquece-me de uma vez
Deixa-me partir
O que o passado construiu o presente desfez
Já é tempo de deixar ir.

Segue o teu caminho
E que o futuro te abençoe.
Ainda consigo ter expressões de carinho
Por estranho que isso te soe.

Deixa-me em paz
Estou-me a redescobrir
Não sei o que o futuro me traz
Mas o presente começou me a sorrir.

Sentada no meu carro em Mem-Martins
no dia 19 de outubro de 2015,
escrito à mão
18h44



Forgot my at once
Let me go
What does the past built the present undid
It is time to let go.

Follow your path
And that the future blesses you.
I still have expressions of affection
As strange as it sounds to you.

Leave me alone
I am rediscovering myself
I do not know what the future brings me
But the present got me to smile.

Sitting in my car in Mem-Martins
on October 19, 2015,
handwritten

6:44 p.m

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.