Receber poemas por / Receive poems by Email

Traduzir / Translate

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Ladrão que rouba por roubar não tem perdão / Thief that steals for stealing has no forgiveness

Roubaste-me os meus sonhos
e anos de dedicação
Fiquei lesada em bens materiais
e também no coração.
Não agistes corretamente
És um verdadeiro aldrabão.
Agora sofres de arrependimento
e quase não te sobra um tostão.
A vida te irá ensinar
o caminho da razão
Ladrão que rouba por roubar
não tem perdão.

Sentada no comboio da linha de Sintra (Amadora),
 Escrito à mão
7 de setembro de 2015
16h51
In Costa, Maria Leonor. Amores Platónicos.


You stole me my dreams
and years of dedication
I was injured in material goods
and also in the heart.
You do not have acted properly
You are a true liar.
Now you suffer from repentance
and hardly left you a penny.
Life will teach you
the path of reason
Thief that steals for stealing
has no forgiveness

Sitting on the train of Sintra (Amadora, Portugal)
Handwritten
September 7, 2015
4: 51 p.m.
In Costa, Maria Leonor. Platonic Loves.