Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

terça-feira, 7 de julho de 2015

As Flores / The Flowers

Apresentam-se de diversas cores,
Formas e cheiros
São encantadoras as flores,
Devemos para elas ser lisonjeiros.

Embelezam qualquer jardim
E até o interior das nossas casas
São simplesmente assim
Com pétalas que parecem asas.

O seu encanto é notório
A sua diversidade incalculável
Também se encontram num velório
A sua presença é saudável.

As suas aplicações são inesgotáveis
Estão sempre a surgir novas ideias
Elas são sem dúvida agradáveis
Estão longe de serem feias.

Inspiram com a sua beleza,
Estão presentes em qualquer paisagem
É bom vê-las com certeza
E admirá-las à nossa passagem.

Sentada no comboio da linha de Sintra (Amadora)
Poema manuscrito,
7 de julho de 2015,
18h07
In Costa, Maria Leonor, Poesias Mundanas.


They come in various colours,
Shapes and smells
Are lovely the flowers
We must be flattering for them.

They embellish any garden
And even the interior of our homes
They are simply so
With petals that look like wings.

Its charm is notorious
It’s incalculable their diversity
They are also at a wake
Their presence is healthy.

Its applications are endless
They are being added new ideas
They are certainly nice
They are far from being unsightly.

They inspire with their beauty
They are present in either landscape
It's good to see them for sure
And admire them as we passed.

Sitting on the train from Sintra line (Amadora)
Handwritten poem,
July 7, 2015
6:07 p.m.
In Costa, Maria Leonor, Worldly poetry

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.