Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Solteira de Fresco / A fresh single

Sou solteira de fresco
Não devo nada a ninguém
Reaprendo o sabor da liberdade
Que confesso, sabe tão bem.

Não lamento o que deixei para trás
Pois já nada me dizia
Agora encontro-me em paz
Voltei a sentir alegria.

Pouco deixei ficar por lá
Que representa-se para mim uma prisão
Agora sinto felicidade por cá
Sentimento que brota do meu coração.

Agualva-Cacém, Café Seara,
escrito à mão
16 de junho de 2015,
8h58



I'm a fresh single
I owe nothing to anyone
I learn again the taste of freedom
I confess knows as well.

I do not regret what I left behind
Because nothing ever told me
Now I find myself in peace
I again felt joy.

Little did I let stay there
That represents to me a prison
Now I feel happy around here
Feeling that springs from my heart.

Agualva-Cacém, Coffee Harvest,
handwritten
June 16, 2015,

8:58 a.m.

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.