Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

domingo, 24 de maio de 2015

Violência gratuita / Gratuitous violence

Os jornais e noticiários
Estão cheios de violência gratuita,
Ânimos exaltados
Vidas que terminam de forma fortuita.

Todos os pretextos
Contribuem para, os egos, exaltar
Num minuto perde-se a razão
E a vida pode assim terminar.

Violência não leva a nada
E a nenhum desfecho feliz
Isto está errado e tem de mudar,
Alternando simplesmente a força motriz.

Sentada na minha cama, no quarto cor-de-rosa, da minha casa em Chaves
Poema manuscrito,
19 de maio de 2015,
5h57
In Costa, Maria Leonor. Catarse das Palavras.


Newspapers and news
They are full of gratuitous violence
exalted mood
Lives ending of fortuitous manner.

All the pretexts
Contribute to the egos exalt
One minute you lose the reason
And life can thus finish.

Violence leads nowhere
And no happy outcome
This is wrong and must change
Simply alternating the driving force.

Sitting on my bed, in the color pink bedroom of my house in Chaves
Handwritten poem,
on May 19, 2015,
5:57 a.m.
In Costa, Maria Leonor. Catharsis of Words.

 

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.