Receber poemas por / Receive poems by Email

Traduzir / Translate

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Quero de novo voar / I want to fly again

Quero-me descalçar
Tirar a roupa do corpo
Para de novo poder voar.
Desejo sair daqui
Para um novo projeto poder abraçar.
Isto tudo nunca mais tem fim
A minha vida preciso continuar.
Não aguento o sufoco
Que me consegue frustrar.
Pretendo abrir a gaiola
Que, para a minha vida, consegui arranjar.
O verão está para vir
Em breve vou-me libertar
As minhas asas vão-se abrir
E para sempre vou voar.

Sentada à secretária em Boticas,
Poema escrito no computador,
13 de maio de 2015,
14h18
In Costa, Maria Leonor, Poesias Mundanas.


I want me take off
Take the clothes of my body
To be able to fly again.
I desire to go out of here
For a new project to embrace.
All this never-ending
My life must continue.
I can’t stand the torture
That can frustrate me.
I intend to open the cage
Who for my life I could get.
Summer is coming
I will soon release me
My wings will be opened
And I will always fly.

At her desk in Boticas,
Poem written on the computer
on May 13, 2015,
2.18 p.m.
In Costa, Maria Leonor, Worldly poetry