Receber poemas por / Receive poems by Email

Traduzir / Translate

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Já não arde a chama da paixão / No longer burns the flame of passion

Saí da minha zona de conforto
Fui corajosa e arrisquei
Infelizmente deu para o torto
Apesar de tudo o que abdiquei.

Não foi uma questão de sorte
Faltou o teu empenho,
Fui muitas vezes forte
Utilizei arte e engenho.

Tinha muito para dar
E desejei receber
Cheguei a me apaixonar,
Mas tu não quiseste saber.

Agora já é tarde
Não há mais perdão,
Pois, no meu peito já não arde,

A chama da paixão.

Sentada no sofá da minha casa em Chaves,
Poema manuscrito,
18 de maio de 2015,
20h51
In Costa, Maria Leonor. Amores Platónicos.


I left my comfort zone
I was brave and risked
Unfortunately has given awry
After all that abdicated.

It was not a matter of luck
Missed your commitment
I was often strong
I used art and skill.

I had so much to give
And I wished to receive
I came to fall in love with you
But you wanted not to know.

Now it's too late
There is no forgiveness
For in my chest no longer burns
The flame of passion.

Sitting on the couch in my house in Chaves,
Handwritten poem,
on May 18, 2015,
8.51 p.m.
In Costa, Maria Leonor. Platonic Loves.