Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Cavalinho / Fluffy hourse




Cavalinho castanho
De pelo bem cuidado
Com a sua crina preta
Pastando no prado.

Inclina a cabeça
E com o dente arreganhado
Come a erva verdinha
De um só trago.

O sol está radiante
E muito dourado
Apesar de estar frio
O ambiente está animado.

Com o pelo lustroso
E bem cuidado
Vagueia o lindo cavalinho
Muito animado.

Sentada no autocarro de Boticas com destino a Chaves (Sapelos)
17 de fevereiro de 2015,
escrito à mão
17 h 15
In Costa, Maria Leonor, Poesias Mundanas.


Brown fluffy horse
Of fur good care
With its black mane
Grazing in the meadow.

He leans his head
And with the tooth grinning
He eats a greenish herb
in only one gulp.

The sun is beaming
And very golden
Despite being cold
The atmosphere is lively.

With the fur sleek
And well maintained
Wanders the beautiful horse
Very excited.

Sitting in Boticas bus bound for Chaves (in Sapelos)
on February 17, 2015,
handwritten
5 : 15 p.m.

In Costa, Maria Leonor, Worldly poetry

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.