Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Há coisas que me revoltam / There are things that revolt me

Há coisas que me revoltam
E sobre as quais preciso de falar.
Ontem vi um cão largado à sua sorte na estrada
Sujeito a morrer ou a matar.

Não entendo a pedofilia
Nem nenhuma forma de exploração sexual
Só deve haver encontros consentidos
É isso que torna o sexo especial.

Não consigo compreender
Os despedimentos que na rádio se anunciam
Os empregos tornam-se precários
Mas dos encargos não nos aliviam.

Faz-me confusão a importância dada ao futebol
E a todas as más notícias
Parece que o que é bom não importa
Ou que não passam de ideias fictícias

Só se ouve falar de mortes
A maior parte devido a homicídios
Há também as questões económicas
Uns autênticos suicídios

As coisas boas também devem ser notícia
Para as pessoas motivar
O mundo não pode ser tão ruim
É nisso que temos de acreditar.

Para já o desabafo fica feito,
Tenho mais com que me revoltar.
Escrevi este poema
E o meu ânimo consegui acalmar.

Sentada no autocarro para Boticas, lugar n.º 5,
22 de janeiro de 2015,
8 h 52
In Costa, Maria Leonor. Catarse das Palavras.






There are things that revolt me
And of which I need to talk.
Yesterday I saw a dog dropped to their fate on the road
Subject to die or to kill.

I do not understand pedophilia
Or any form of sexual exploitation
There should be only permitted meetings
That's what makes sex special.

I can’t understand
The dismissals which are announced on the radio
Jobs become precarious
But they not relieve us of the burden.

It makes me confusion the importance given to football
And all the bad news
It seems that what is good doesn’t matter
Or that are only fictitious ideas

We only hear about deaths
Most due to homicide
There are also economic issues
Some authentic suicides.

Good things must also be news
To motivate people
The world can’t be so bad
That is what we must believe.

For now, the outburst is done,
I have more that revolt me.
I wrote this poem
And my mind I managed to calm.

Sitting on the bus to Boticas, place number 5,
January 22, 2015,
8: 52 a.m.
In Costa, Maria Leonor. Catharsis of Words.
 

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.