Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

sábado, 22 de novembro de 2014

Os meus poemas / My poems

Tudo me desperta os sentidos
Sobre tudo me ponho a escrever
Observo tudo à minha volta
E não me consigo conter.

Os meus cinco sentidos contribuem
para aguçar a minha imaginação
Mas ainda tenho um sexto
Que é a minha intuição.

Em momentos precisos
De tranquilidade e reflexão
Escrevo os meus poemas
Que me saem da cabeça e do coração.

Passo os meus textos a computador
E através do blogue faço a sua difusão
Nesse momento liberto os meus poemas
Deixando-os fazer a sua função.

Eles devem despertar consciências
E no seu conteúdo ter informação
Ao leitor cabe o papel
De os ler e fazer a sua própria interpretação.

15 de novembro de 2014
In Costa, Maria Leonor. Poesias Mundanas.



All awakens my senses
I put everything on writing
I observe everything around me
And I can’t help myself.

My five senses contribute
to sharpen my imagination
But I still have a sixth
That is my intuition.

At precise moments
Of tranquillity and reflection
I write my poems
Coming out of my head and heart.

I pass my texts to computer
And through the blog I do its diffusion
At that moment I release my poems
Letting them do their function.

They should raise awareness
And in its content has information
The reader's role is
In the read and make your own interpretation.

November 15, 2014
In Costa, Maria Leonor. Worldly poetry.

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.